fbpx

Imobiliárias

eXp Brasil inicia operação 100% digital com modelo consolidado nos EUA

Ana Carolina Bendlin
Escrito por Ana Carolina Bendlin em 25 de janeiro de 2021
5 min de leitura
eXp Brasil inicia operação 100% digital com modelo consolidado nos EUA
Toda semana, no seu e-mail.

Assine gratuitamente a principal newsletter do mercado imobiliário brasileiro.

Com 12 anos de história, operação 100% digital e 42 mil corretores de imóveis espalhados pelo mundo, a imobiliária digital norte-americana eXp Realty dá mais um passo em seu plano de expansão, iniciando suas operações no Brasil no próximo mês. O webinar de pré-lançamento da eXp Brasil está marcado para o dia 2 de fevereiro, mas o Imobi Report traz, em primeira mão, uma entrevista exclusiva com Ernani Assis, managing director da eXp Brasil. A seguir, você confere detalhes de como será a operação da empresa no país e o que esperar da eXp para o ano de 2021 no Brasil e no mundo. 

Imobi Report: Apesar de a eXp Realty ser muito famosa nos Estados Unidos, aqui no Brasil algumas pessoas ainda não a conhecem. Poderia nos contar sobre o histórico da empresa?

Ernani Assis: A eXp Realty foi fundada em 2009, não é uma startup, não nasceu ontem. É uma companhia fundada pelo Glenn Sanford, que foi um corretor de imóveis de altíssima performance. Quando Glenn trabalhava na Keller Williams, ele tinha como mentor o Gary Keller, muito famoso por aquele livro “The One Thing” (em português, “A Única Coisa”), que eu recomendo para todo mundo. O Glenn queria trazer novidades para Keller Williams, mas não tinha muito espaço. E aí ele criou a eXp Realty em Bellingham, no estado de Washington, perto de Seattle, quase divisa com Vancouver, no Canadá. E a história é maravilhosa porque é a história de um corretor de imóveis que trabalhava em uma grande imobiliária e que ficou insatisfeito com as relações e quis criar aquilo que ele tinha na cabeça: associar o mercado imobiliário à tecnologia, acelerar os processos e criar um ecossistema diferente entre a relação do corretor de imóveis e da própria imobiliária. É um orgulho para mim fazer parte dessa empresa e, mais ainda, por ser responsável por trazer pro Brasil, não apenas uma companhia, mas ferramentas que possam ampliar as relações entre imobiliárias e corretores. 

Imobi: Depois de mais de 10 anos desde a sua criação, a eXp Realty já estava consolidada no mercado em 2020, quando chegou a Covid-19 chegou para mudar a economia mundial. Como a pandemia contribuiu para acelerar ainda mais o processo de crescimento da empresa?

Ernani: Atualmente, a eXp é a companhia que mais cresce no mundo. Na Nasdaq, onde a empresa é listada, é recorde atrás de recorde. Na semana passada, a gente chegou a 100 dólares a ação, um market share de 7 bilhões de doláres. Mas não é só a questão financeira. Pra gente, esse dinheiro não significa só oportunidade de trading, significa que o NPS dos corretores tem feito a diferença na vida deles e nos resultados da companhia. Eu diria que é uma companhia que tem como premissa e métrica mais importante medir a satisfação do corretor de imóveis. A partir do momento em que você cria um ecossistema que corrobora não só com a teoria, mas pratica no dia a dia princípios, valores e entrega ferramentas para que as pessoas se sintam bem, aí o resultado não tem limite. Em 2020, tivemos um ano em que a pandemia permitiu uma experiência virtual mesmo, digital em todos os setores, inclusive no mercado imobiliário, que teve um crescimento extraordinário, assim como também tiveram o Mercado Livre, o Zoom e todas as empresas que orbitam o ecossistema digital. Com isso, o Brasil não poderia ficar de fora da operação da eXp, pois é um dos principais mercados do planeta. A chegada da eXp ao Brasil em 2021 é muito oportuna porque significa que o Brasil é digno de respeito e de admiração. Por isso, eu sou um brasileiro feliz e eu diria orgulhoso por essa oportunidade que a gente vai criar aqui no nosso país. E, no dia 2 de fevereiro, vamos fazer um webinar de pré-lançamento para explicar todos os detalhes da operação da eXp Brasil.

Imobi: No ano passado, a eXp iniciou um grande programa de expansão mundial, chegando a outros países como Índia, África do Sul, México, França e agora em 2021 tá chegando ao Brasil. Quais são os planos de eXp para o Brasil? 

Ernani: A eXp entende que o melhor lugar para um ser humano trabalhar é onde ele tem possibilidade de escolha. E que seja mais seguro, onde ele possa reduzir seu deslocamento, reduzir até fricções que são comuns no trabalho, como assédio sexual, assédio moral, gozações, piadinhas e afins, em especial com o apoio da tecnologia. Por isso, a companhia criou o eXp World, que é uma plataforma tecnológica que possibilita que a gente tenha um mundo virtual completo. Eu entro nesse mundo virtual todo dia de manhã quando acordo, visto o meu avatar, participo de reuniões. Lá, eu tomo café, converso com o jurídico, com as operações e com as pessoas que eu encontro no hall. Sento pra tomar um café e jogar conversa fora no lounge, tudo que a tecnologia te proporciona para que, da sua casa, você de fato tenha todas as ferramentas necessárias para trabalhar, independente de qual seja a sua posição na companhia. Você pode ser da área legal ou da área comercial que a eXp permite que você seja produtivo e que você tenha serenidade nos seus processos. É quase uma inclusão social digital para as pessoas. É assim que a eXp Brasil vai conseguir chegar até aquele corretor de imóveis que está lá em São Gabriel da Cachoeira, divisa do Amazonas com a Colômbia. Para chegar lá, são dois voos só durante a semana, uma área muito restrita do Amazonas, mas se lá tiver internet funcionando, ele pode ter acesso à mesma plataforma com todos os quesitos da proposta de valor que o corretor ou agente de Nova York, Hong Kong ou São Paulo. Não existem barreiras para a nossa expansão evidentemente internacional. Nesse primeiro trimestre, além do Brasil, foram anunciadas também as operações de Hong Kong, Itália e Porto Rico. 

Imobi: Como vai ser esse pré-lançamento no dia 2 de fevereiro? E quando a operação da eXp inicia de fato aqui no país?

Ernani: Onde tiver bons profissionais e bons mercados, a eXp vai levar essa proposta de valor e vai trazer mais uma oportunidade pro mercado imobiliário, mas sem aquela arrogância de que está vindo e vai fazer isso, vai fazer aquilo. Nós temos uma classe de corretores autônomos que tem muitas condições no dia a dia, inclusive para o crescimento do seu próprio negócio. A gente vai ser mais um player. Não viemos aqui pra assustar nenhuma imobiliária tradicional, muito menos competir com outras plataformas digitais. A gente vem trazer uma proposta de valor e a gente busca um corretor visionário, aquele que tem sede por tecnologia e sede também por empreendedorismo. Na semana que vem, a gente vai fazer um webinar de pré-lançamento. Posso dizer que a eXp vai estar operacional no Brasil no dia 27 de fevereiro. A eXp Brasil é do Brasil. Evidentemente que existe um processo burocrático, no qual a gente precisa ter uma empresa em cada estado, um CRECI em cada estado. Mas a gente tem um roadmap, no qual há a previsão de quando vamos chegar a cada estado. A ideia é até o final do ano a gente cobrir os 26 estados e o Distrito Federal.

Imobi: Esse modelo virtual costuma dar mais autonomia pros corretores, o que é uma vantagem no mundo em que vivemos, ainda mais considerando o contexto de pandemia. Mas, como fica o relacionamento da empresa com os corretores? O contato físico não faz falta em algum momento?

Ernani: Para responder essa pergunta, eu posso contextualizar de duas formas. A primeira é a seguinte: a eXp nasceu assim, não foi por pandemia. A gente é 100% virtual. A gente não alterou em nada o que a gente tem feito na nossa história desde 2009 porque nascemos e continuamos virtual. Mas é impossível dizer que um abraço não vai fazer falta… Ah, a gente é brasileiro, né! Porém, olhando pelo aprendizado e o que nos reserva para o futuro, eu digo que, quando você tem pessoas de fato ligadas a um propósito, no dia a dia você tá sendo abraçado, no dia a dia você está sendo retroalimentado do sentimento de ajuda mútua e desse espírito de servir através não só de ferramentas, mas de colaboração que a eXp tem. Eu mesmo fui contratado pela companhia para fazer um lançamento semana que vem com o CEO global, mas nunca apertei a mão dele. Ainda assim, não me falta segurança, não me falta o sentimento de pertencer. Eu me sinto no meu dia a dia abraçado e seguro para continuar a nossa vida e acelerando todo esse propósito maravilhoso que a gente tem feito no mundo. Evidentemente que a plataforma vai entregar toda a jornada para que o corretor de imóveis possa fazer isso no dia a dia dele com seus clientes. Mas, embora esse movimento de digitalização de processos seja um movimento sem volta, o olho no olho pode vir a acontecer no dia a dia por escolha das pessoas. A gente não vai cercear ninguém de se encontrar, pós pandemia, pós vacina. Mas a gente não faz isso como premissa básica do nosso negócio. A gente oferece a liberdade para que as pessoas possam escolher os seus próprios caminhos. Para a atividade não há necessidade, mas se a sua decisão, como membro desse ecossistema, é ter um modelo híbrido, a gente apoia. Esse modelo é feito e construído para dar oportunidade de escolha para as pessoas, então cada um que tenha a sua escolha e aja com maior nível de felicidade no trabalho. 

Imobi: Para quem está curioso sobre como trabalhar com a eXp, como os corretores podem se conectar à empresa? Essa conexão é só para corretores ou também é válida para imobiliárias, incorporadoras e outros players do mercado?

Ernani: Respondendo direto ao ponto: esta é uma plataforma construída para corretores de imóveis profissionais. Nem estagiário, com CRECI de estagiário a gente aceita. A nossa plataforma foi construída para pessoas que têm o grau de maturidade e de independência para construir o seu próprio destino. Evidentemente que nós vamos entregar toda uma proposta de valor que lá no webinar eu vou contar, que se assemelha ao mundo tradicional. Não vamos deixar de cuidar do interesse dos corretores em nada, pelo contrário, vamos entregar muito mais do que ele pode imaginar. Mas a gente não abre mão de ter dentro da companhia, dessa plataforma, corretores com CRECI 100% e ainda com a sua anuidade em dia. A gente quer liderar esse movimento da profissionalização no Brasil. Ainda assim, para imobiliárias que quiserem participar desse ecossistema, dentro de todas as regras que são conectadas a esta estrutura básica que a gente está conversando, também faz todo o sentido. 

Imobi: Quais são as expectativas de vocês com a chegada da eXp Brasil? No mundo inteiro, fala-se em milhares de corretores vinculados à eXp Realty. Existe uma estimativa de quantos corretores devem participar desse movimento no Brasil?

Ernani: A gente entende que, nessa plataforma, quanto mais corretores profissionais dentro desse ecossistema, melhor vai ser a jornada de compra e venda de imóveis pelo consumidor, melhor vai ser a atividade para o corretor de imóveis. Então, a gente pensa grande mesmo. A gente já chegou a 42 mil corretores na semana passada no mundo. O nosso goal pra esse ano, 2021 e 2022, dentro dos quarters que a gente mede com o ano comercial americano, é chegar a 100 mil corretores. E, aqui no Brasil, a gente tem o desejo de conseguir mostrar o nosso valor para que a gente consiga chegar a 3 mil ou 4 mil corretores até o final do ano. Se a gente tem a melhor solução para melhorar a vida das pessoas nesse ecossistema, a gente precisa de muita gente para fazer a diferença na vida deles. Não vão faltar iniciativas e trabalho duro aqui no Brasil para que a gente tenha mais um player para ajudar a levantar o mercado imobiliário. Para isso, a gente quer o protagonismo da mulher à frente, nós queremos a participação de todas as minorias. A eXp é feita para gente, não é feita para homem. E a gente quer trazer para o mercado imobiliário os jovens, aqueles que estão na universidade e querem trabalhar numa grande plataforma de mídia social. Essa é a nossa crença: melhorar a vida dos que estão e de trazer novos integrantes para o mercado imobiliário. É isso que a gente tem feito lá fora e não poderia ser diferente aqui no Brasil. Não tem achismo, tem tendência. A gente está vendo o que está acontecendo lá fora e imagino que não vai ser diferente aqui.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

4.5 2 votes
Avaliação do artigo
Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
trackback
Dono de imobiliária, é hora de refletir sobre sua employee experience | Imobi Report
4 de fevereiro de 2021 14:40

[…] Aqui, a expectativa do managing director da eXp Brasil, Ernani Assis, é alcançar entre 3 e 4 mil corretores até o fim de 2021. […]

trackback
Chegada de novos players promete movimentar o mercado imobiliário brasileiro em 2021 | Imobi Report
5 de fevereiro de 2021 12:10

[…] principalmente com a chegada de novos players nacionais e internacionais. Já ficou claro que o início da operação da eXp Brasil, marcada para o final de fevereiro, tem maior potencial para movimentar o setor, mas a colombiana […]

Cleber Roberto
Cleber Roberto
24 de fevereiro de 2021 06:01

Não vejo a hora que começar

3
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x