fbpx

Opinião

Dono de imobiliária, é hora de refletir sobre sua employee experience

Rodrigo Werneck
Escrito por Rodrigo Werneck em 4 de fevereiro de 2021
3 min de leitura
Dono de imobiliária, é hora de refletir sobre sua employee experience
Toda semana, no seu e-mail.

Assine gratuitamente a principal newsletter do mercado imobiliário brasileiro.

Os corretores de imóveis de alta performance que atuam dentro de imobiliárias devem reconhecer: seguramente, em algum momento da carreira, eles já consideraram a hipótese de alçar voo solo e trabalhar como corretor autônomo, buscando mais autonomia e, principalmente, mais dinheiro.

As dores de trabalhar sem a bandeira de uma imobiliária, no entanto, são enormes.

Construir uma identidade, investir e gerir o próprio marketing, adotar um CRM, buscar conhecimento continuamente para não ficar para trás, captar imóveis, construir parcerias com outros profissionais, acompanhar o fluxo de caixa e etc.

É o preço que se paga para ter acesso à totalidade da comissão, um sonho que pode perfeitamente virar pesadelo.

Atrevo-me a dizer que o ideal para milhares de corretores brasileiros seria um meio-termo contemplando a “experiência” de trabalhar em uma imobiliária e os ganhos de um autônomo.

Pois é esta a ousada proposta de valor da imobiliária digital eXp, sensação nos Estados Unidos, que acaba de desembarcar no Brasil.

Buscando justamente se apresentar como solução para quem tem “medo” de alçar voo solo ou está cansado das dores de autônomo, a eXp já reúne mais de 40.000 corretores pelo mundo.

Com papéis negociados na Nasdaq, a bolsa das empresas americanas de tecnologia, saltou de 73 centavos de dólar por ação, cinco anos atrás, para 109 dólares hoje, um retorno de quase 150x.

Durante o mesmo período, as ações da poderosa Zillow tiveram um retorno de 7 vezes, o que talvez lhe ajude a entender o tamanho do impacto que a chegada da eXp pode provocar no mercado imobiliário brasileiro.

Como uma empresa consegue crescer tanto em tão pouco tempo?

Adotando um modelo de negócio ousado e disruptivo.

Além de o modelo permitir aos corretores comissões a partir de 70%, um monstruoso argumento de atração de corretores, a eXp não disponibiliza uma sede física aos corretores.

As entregas da imobiliária se concentram em tecnologia, jurídico, partilha de negócios em ambiente seguro, dados, marketing e conhecimento, além do networking.

Corretores que trazem consigo mais profissionais e formam seus próprios times como em uma imobiliária tradicional, também são remunerados com ações, tornando-os donos da companhia.

Nos Estados Unidos, a eXp virou a bandeira de corretores de imóveis de alta performance que buscavam um guarda-chuva confiável para trabalhar com mais foco em vendas, sem abrir mão de comissões condizentes com suas altas expectativas financeiras.

Aqui, a expectativa do managing director da eXp Brasil, Ernani Assis, é alcançar entre 3 e 4 mil corretores até o fim de 2021.

De antemão, entendo que o desembarque da eXp tem condições de provocar um grande impacto no mercado brasileiro, semelhante ao provocado pela QuintoAndar na experiência dos consumidores na jornada de locação, sendo que a eXp olha com ênfase para os corretores.

Se você é dono de imobiliária ou é gestor de um time de vendas, sugiro que comece a refletir sobre a employee experience da sua empresa.

Ou a experiência de trabalhar em uma imobiliária adquire um caráter construtivo, de desenvolvimento pessoal e profissional, ou modelos de negócio como o da eXp encontrarão dentro das imobiliárias um terreno fértil para captar talentos.


Rodrigo Werneck

Consultor e especialista em Marketing Imobiliário, Rodrigo Werneck é sócio-fundador e CEO da CUPOLA, consulgência exclusiva para o setor imobiliário, com clientes nas cinco regiões do Brasil.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

5 1 vote
Avaliação do artigo
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Parceiros

CredPago
Captei
Refera
Rocket Imob
RuaDois
Sigafy
Universal Software
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x