fbpx

Imobi Report

[123] Alta dos insumos faz incorporadoras repensarem projetos

Imobi Report
Escrito por Imobi Report em 20 de julho de 2021
[123] Alta dos insumos faz incorporadoras repensarem projetos
Toda semana, no seu e-mail.

Assine gratuitamente a principal newsletter do mercado imobiliário brasileiro.

Focar em projetos mais rentáveis é o caminho seguido pelas incorporadoras para enfrentar a escalada do preço dos materiais. De modo geral, o que se observa é redução na participação junto ao Casa Verde e Amarela. Entre os exemplos está a Direcional, que tem ampliado a participação na média renda por meio da subsidiária Riva. Ela deixou de apresentar projetos do grupo 1,5 do programa neste ano, migrando apenas para as faixas 2 e 3. Em alguns casos, como o da EZTec, alguns projetos foram adiados para o ano que vem.

Alta dos insumos

A dificuldade para construir fica evidente diante dos números do INCC. Entre janeiro e junho, a alta dos insumos foi de mais de 9%, enquanto nos últimos 12 meses o aumento foi de quase 17%. Um desafio e tanto para manter os números positivos dos lançamentos apresentados no segundo trimestre deste ano.

O volume de lançamentos dobrou no período. Segundo as prévias operacionais, o crescimento foi de 95% no VGV lançado, superior a R$ 15 bilhões. A EZTec anunciou VGV de R$ 928 milhões. A MRV bateu recorde, somando R$ 2,4 bilhões, uma alta de 5,4%. Já a Cyrela registrou VGV de R$ 1,93 bilhão, um crescimento de 659% na comparação com o mesmo período do ano passado. 

Para manter o ritmo, o setor vai atrás de alternativas. A redução do Imposto de Renda sobre pessoas jurídicas é tida como uma medida que pode alavancar a construção civil. O presidente da CBIC, José Carlos Martins, afirmou em entrevista à CNN que a diminuição do imposto pode elevar a previsão de empregos gerados no setor neste ano de 300 mil para até 600 mil.

Entre as alternativas, apostas em inovação. Ao Estadão, Marcos Malagola ressaltou a importância da adoção de novas metodologias pelas incorporadoras para reduzir orçamentos e ter uma gestão mais ágil e eficiente. Já Gonzalo Raspini destacou a Construção 5.0 e trouxe como ponto focal a sustentabilidade. Totalmente ligado à inovação, o setor de casas inteligentes tem projeção de crescimento de 21% para este ano, o que levou algumas construtoras e a Positivo Tecnologia a firmarem parceria para novos projetos. Prova de que, em um momento que apresenta dificuldades, é preciso estar de olho nas tendências positivas do mercado.

Imobiliárias

O projeto de lei que institui o IPCA como indexador padrão para locação deve ser votado em breve. E o deputado Luizão Goulart deu parecer favorável ao PL. Segundo ele, “o governo e as associações ligadas à Lei do Inquilinato tinham resistências à versão original do projeto, mas negociamos e chegamos a um meio-termo, principalmente com o governo, com quem já arredondamos a proposta, está pavimentado”. O tema ainda vai render.

Inclusive, foi um dos assuntos tratados no Imobi Experts Aluguel, evento de locação que rolou semana passada, promovido pelo Imobi Report, em parceria com a CUPOLA. Se você perdeu, o evento pode ser adquirido e assistido na íntegra.

Há uma expressão que diz que “o diabo está nos detalhes”. E na locação não é diferente: o cuidado com o imóvel pode ser decisivo para a escolha do inquilino. No Estadão, especialistas listam pequenos, mas importantes cuidados que podem fazer a diferença para alugar rápido. Por exemplo, um difusor de ambientes pode deixar a casa cheirosa, quando o imóvel fica muito tempo fechado. Especialistas também afirmam que é importante buscar trocar os vasos sanitários, interruptores, luminárias; ou seja, coisas podem ser trocadas por modelos novos sem muito trabalho, mas que já fazem diferença. Apostar em uma pintura nova e revisar as partes elétricas e hidráulicas é um cuidado que também vai compensar – um imóvel bem cuidado transmite cuidado aos inquilinos.

Ainda sobre locação e pequenas reformas, no Imobi Report contamos o case da Roque Imóveis. A imobiliária de Limeira, São Paulo, tornou reparos e manutenções em rentabilidade e criou uma nova empresa com CNPJ, a Roque Serviços, somente para lidar com reparos. Entrevistamos o CEO da empresa, Cássio Roque, para saber como eles chegaram a esse resultado.

O Imobi Aluguel desta semana fala sobre um processo muitas vezes menosprezado na operação de locação, mas que pode tanto trazer renda adicional à imobiliária como, na outra ponta, provocar grandes prejuízos se ignorado ou mal formatado: o seguro-incêndio. Falamos com seguradoras e consultores experientes, que mostraram as vantagens de trazer a operação para dentro da imobiliária e contaram quem paga a conta se houver um sinistro – que não é tão incomum quanto parece.

Publicado todas as quartas-feiras, o Imobi Aluguel é o primeiro relatório de inteligência do país focado exclusivamente em locação. Além do tema principal, o conteúdo semanal traz uma entrevista exclusiva em áudio, notícias ligadas ao segmento e indicadores atualizados. A produção é da equipe de jornalistas do Imobi Report, com o know-how da CUPOLA, maior consultoria para gestão de imobiliárias do Brasil. Deguste o Imobi Aluguel por 7 dias de forma gratuita e já obtenha acesso à edição de amanhã (21), clicando aqui.

Techs

O open banking agora está disponível para os clientes brasileiros. O Imobi Explica detalhes dessa novidade, conta quais são os benefícios e quais os impactos do compartilhamento de dados bancários para o mercado imobiliário.

Inclusive, este foi um dos temas discutidos pelo Semana Imobi, o podcast do Imobi Report. Se você aprecia o formato, outra indicação é o podcast Vem Pra Mesa. Na última edição, o papo foi com Sharleine Teixeira, advogada especializada no mercado imobiliário. Entre outros assuntos, ela trouxe vários insights sobre a aproximação com o público.

Há alguns anos, a palavra “inteligência artificial” poderia dar arrepios – estamos falando da Skynet? De Matrix? Desde então, o conceito vem evoluindo e presente nas nossas rotinas. No mercado imobiliário, não é diferente. A inteligência artificial, ou IA, pode ajudar imobiliárias a automatizar processos e atender ainda melhor seus clientes finais. E este é o objetivo do Nia, uma proptech que traz a inteligência artificial para dentro das imobiliárias de forma acessível. No Imobi, entrevistamos Gabriel Diederichsen, CEO do Nia, que comenta como a IA pode apoiar imobiliárias de diversos portes e regiões.

Depois de integrar opções de hotéis no seu marketplace, a Housi fechou uma parceria com a Smiles, programa de pontos e fidelidade da GOL. Previsto para começar a funcionar no segundo semestre, os membros da Smiles poderão trocar suas milhas por estadias em quartos, apartamentos e casas que estejam listados na Housi. Lembrando que a startup surgiu como uma spin-off de locação de imóveis da Vitacon e agora já está presente em mais de 45 cidades brasileiras.

Mundo

Você certamente já ouviu falar que muitos japoneses moram em apartamentos minúsculos. A BBC fez um vídeo que mostra a prática e apertada vida dentro dessas moradias de 9m². Em Tóquio, esta é uma opção muito procurada pelo custo-benefício e, principalmente, pela localização central.

O mercado internacional pode oferecer caminhos inusitados. A Forbes conta a história de um brasileiro que foi tentar a sorte em um canteiro de obras na Espanha e, anos mais tarde, fundou uma incorporadora nos Estados Unidos. Em atuação há 20 anos, a companhia conta com US$ 210 milhões em projetos.

Ainda nos EUA, a Apple anunciou que já investiu US$ 1 bilhão em moradias populares. O investimento faz parte de um plano iniciado em 2019, que prevê US$ 2,5 bilhões para aliviar a crise habitacional na Califórnia. A ação consiste em apoio financeiro para famílias de menor renda pagarem suas hipotecas.

O preço do aluguel em Nova York está em ritmo de subida, em uma tentativa de os proprietários aproveitarem o regresso de moradores que tinham se mudado para o subúrbio em virtude da crise. Ou seja: quem esperava uma barganha para alugar em Manhattan acabou perdendo o timing.

Miami também está agitada! A cidade foi beneficiada pela descentralização causada pela pandemia e passou a atrair negócios do mundo inteiro. Com muita demanda e cada vez menos oferta de imóveis, as vendas nos primeiros quatro meses deste ano tiveram aumento de quase 40%. O estado da Flórida como um todo também é muito visado, atraindo migração interna dos EUA por ser um local com melhores oportunidades fiscais e impostos menores.

Estamos de olho

Na última semana, o Santander anunciou o aumento dos juros no crédito imobiliário, com taxa mínima passando de 6,99% para 7,99%. Especialistas já alertam que os outros bancos devem seguir o movimento e o Santander só puxou a fila. O Bradesco, inclusive, já seguiu na mesma direção e também anunciou um aumento nas taxas.

O Valor Econômico apurou que parte dos bancos está praticando uma elevação “discreta”. O Itaú, por exemplo, ainda que não tenha mexido nas taxas iniciais, apertou os critérios de cessão de crédito e clientes com score mais baixo já estão obtendo taxas mais elevadas. A reportagem ainda afirma que o Santander liderou o ajuste pois é o banco privado que tem menos funding para a linha habitacional. E fica o reforço da dica: a hora para contratar um financiamento imobiliário é agora.

O aumento de juros acende uma luz amarela para os consumidores. Em artigo no Imobi Report, Sylvio Pinheiro, diretor da G+P Soluções, questiona: será que estamos no último momento de compra com preços antigos e taxas acessíveis? No Imobi, ele explica os motivos para acreditar que é, sim. Além do impacto da Selic, há o aumento no preço dos insumos e da mão de obra.

O editor do Imobi, Michel do Prado, participa da edição desta semana do Vivendo de Imóveis, programa do IBREP Escola de Imóveis. O episódio vai ao ar às 13h de quinta-feira.

Na quinta-feira também acontece a live semanal do Imobi Report. Às 18h, no Instagram do Imobi, nossa jornalista Ana Clara Tonocchi irá entrevistar Tiago Alves, presidente do IWG no Brasil. A IWG é um grupo inglês de coworkings, que tem escritórios no Brasil, e a conversa tratará sobre trabalho híbrido, remoto e o futuro dos escritórios.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

0 0 votes
Avaliação do artigo
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x