fbpx

Inovação

RuaDois quer se tornar o 1º superapp do mercado imobiliário brasileiro

Ana Clara Tonocchi
Escrito por Ana Clara Tonocchi em 9 de setembro de 2021
3 min de leitura
RuaDois quer se tornar o 1º superapp do mercado imobiliário brasileiro
Toda semana, no seu e-mail.

Assine gratuitamente a principal newsletter do mercado imobiliário brasileiro.

Superapp é um conceito que, aos poucos, está sendo difundido no mercado, principalmente no varejo: consiste em uma única plataforma que resolve a vida do usuário em várias frentes. A RuaDois, proptech brasileira, pretende tornar-se o primeiro superapp para imobiliárias do país.

Depois de atacar dores da locação, RuaDois quer se tornar um superapp e lança esteira digital para compra de imóveis.
Ruadois

A nova proposta da RuaDois é integrar diferentes serviços em um único ecossistema. Depois de atacar e solucionar as dores da jornada de locação através da sua esteira digital, a startup lança uma nova esteira, com foco nos usuários de compra e venda de imóveis.

Paulo Fernandes, CEO da empresa, conta que a RuaDois nasceu para democratizar o acesso à tecnologia no mercado imobiliário através de dois pilares: usabilidade e acessibilidade. “Nosso objetivo é fornecer funcionalidades fáceis e que tenham um custo acessível para imobiliárias. Como sempre nos preocupamos em oferecer soluções com alto nível de profundidade, inicialmente focamos no setor de locação. Agora que nosso produto com foco no aluguel já teve aderência no mercado, passamos a olhar para a jornada de compra”, afirma.

As diferenças entre a compra e a locação

Olhar para a jornada de compra e venda exige uma sensibilidade extra, uma vez que a compra e locação são momentos muito diferentes na vida das pessoas – e mais diferentes ainda no trabalho de uma imobiliária.

Dados da RuaDois apontam que mais de 70% das visitas a imóveis para locação acontecem no mesmo dia ou, no máximo, no dia seguinte ao agendamento, o que demonstra a pressa deste cliente. “A motivação é completamente diferente entre a compra e a locação de um imóvel. E este é o principal fator que irá alterar as outras etapas da jornada. No aluguel, nossa esteira acompanha o cliente por dias, no máximo um mês. Na compra, a jornada pode chegar a um ano e meio. A exigência sobre o imóvel muda: por exemplo, se eu vou locar, eu aceito um imóvel no primeiro andar. Na compra, não. O cliente que compra, mesmo que para residência, é também um investidor e pensa a longo prazo”, afirma Paulo. “As imobiliárias já se preocupam em automatizar as burocracias da locação há alguns anos, visto que uma imobiliária fecha, por exemplo, 20 locações em um mesmo mês, enquanto faz 3 vendas. Mas, com o mercado aquecido, é importante pensar em como acelerar e agilizar a jornada de compra e venda”.

Ao desenhar a esteira de venda, a startup também teve que se atentar ao papel do corretor de imóveis. “Em uma transação longa, a relação é muito mais relacional e consultiva”, compartilha Paulo. “É muito necessário respeitar o tempo desse consumidor: o possível comprador quer entrar no celular de noite, no intervalo do almoço… Com inteligência artificial e automação da comunicação, conseguimos fazer com que nossa imobiliária cliente seja a primeira a abordar esse comprador. Assim, permitimos que o cliente da imobiliária, por sua vez, realize as ações no tempo dele, ao mesmo tempo que conta com o apoio do corretor de imóveis”, analisa.

O mergulho no mercado imobiliário

O olhar para o mercado imobiliário vem de antes mesmo da fundação da RuaDois. “O mergulho na digitalização do mercado imobiliário brasileiro eu faço, pessoalmente, desde 2015. Com os anos, juntamos a minha bagagem com a nossa experiência na RuaDois, aprendemos ainda mais sobre a diferença entre os negócios de locação e compra e, agora, aplicamos esse aprendizado”, conta o CEO. 

Para lançar o produto, a RuaDois contou com duas imobiliárias que testaram o piloto da solução de compra. Uma delas, a Aliança — imobiliária tradicional de São Paulo com mais de 100 corretores –, viu na esteira de vendas uma oportunidade para otimizar a sua operação de visitas. “Há bastante tempo queríamos deixar a agenda dos nossos corretores disponível para os nossos clientes escolherem quando eles desejam visitar. Quando identificamos a simplicidade que a RuaDois atingiu no produto de locações, entendemos que seriam o parceiro certo para estarem conosco em vendas também”, afirmou Fabio Carleto, Conselheiro da Aliança. O feedback após o uso foi positivo: “Lido com sistemas há mais de 20 anos. Ainda não tinha visto uma solução tão completa e amigável quanto a RuaDois. Uma das soluções mais consistentes que já vi nestes anos”, diz Carleto.

A lista de espera para conhecer a esteira digital de compra e venda da RuaDois já pode ser acessada aqui.

O conceito de superapp no imobiliário

A entrada da RuaDois na jornada de compra de imóveis abre o leque para outros serviços, como produtos financeiros – entre eles, crédito imobiliário e a possibilidade de antecipação de recebíveis para o corretor. Este é um dos próximos passos: ampliar a cartela de serviços terceirizados para ajudar a aumentar a rentabilidade das imobiliárias parceiras por meio de produtos financeiros.

“Estamos estruturando uma nova jornada que melhore a experiência dos clientes e aumente a eficiência das imobiliárias através de serviços terceirizados próprios ou de terceiros. Nosso objetivo é dar liberdade para a imobiliária escolher em cada etapa qual fornecedor ela deseja usar”, finaliza Paulo.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

0 0 votes
Avaliação do artigo
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x